Modele o seu corpo com Crioterapia

Crioterapia é o resfriamento e ou diminuição da temperatura dos tecidos com a finalidade de auxiliar na diminuição de gordura localizada (a diminuição de medidas corporais locais), combater a celulite e reduzir a flacidez.

O termo crioterapia significa, literalmente, “terapia pelo frio”. É um método criado na França e consiste basicamente na aplicação de um produto crioterápico no local em que se quer a ação.

Quando a pele é submetida ao frio pelo uso do gel crioterápico, o nosso organismo tende a gastar energia para rapidamente equilibrar a temperatura do local, segundo Knight. Portanto, a primeira reação desse é utilizar sua reserva energética – a gordura corporal –, produzindo uma reação termodinâmica com as gorduras localizadas nos tecidos da pele. Por isso, a crioterapia é indicada para o tratamento da gordura localizada.

Já, segundo Guirro e Guirro (2002), a redução da temperatura local, causada pela crioterapia, diminui a demanda de oxigênio e nutrição para as células. Dessa forma, o sistema nervoso periférico estimula receptores térmicos a induzir à vasoconstrição, acarretando num aumento do consumo das reservas energéticas a fim de manter a temperatura habitual, queimando gorduras localizadas e reduzindo medidas corporais na região aplicada.

A poucos meses do início do verão, já é possível dar início a tratamentos que melhoram o contorno corporal para desfilar de biquíni com tranquilidade na estação mais quente do ano e uma maneira de perder a barriguinha é usar cosméticos com compostos termogênicos.

 

Gelly Lunarys

É um gel crioterápico, à base de mentol e cânfora, que é utilizado para reduzir medidas, eliminar a gordura localizada e firmar a pele. Além disso, ele também é composto por extratos vegetais ricos em cafeína, que estimulam a microcirculação sanguínea, promovendo uma oxigenação dos tecidos e favorecendo a drenagem linfática, o que elimina água e toxinas depositadas na gordura localizada e melhorando significativamente o quadro celulítico.

Esse tratamento, associado à massagem com cremes apropriados que possuem colágeno, elastina e cafeína, potencializa a ação do gel em firmar a pele e reduzir a celulite.

MODO DE USAR:

A forma mais utilizada da crioterapia, que tende a apresentar um melhor resultado, é durante o dia enquanto estamos em movimento. Deve-se aplicar o gel crioterápico com movimentos circulares na área desejada e deixá-lo agir por pelo menos 4 horas. Pode-se enfaixar a área onde o gel foi aplicado com filme plástico, que proporciona uma melhora qualitativa do resfriamento, mantendo-a resfriada por mais tempo. O tempo de absorção total do gel varia entre 5 e 10 minutos, dependendo da quantidade aplicada; lembrando que quanto mais generosa a camada de gel, maior o tempo de ação do produto. Para potencializar ainda mais o resultado, pode-se fazer exercícios físicos ou caminhadas, que acelera a queima de gordura corporal localizada. Além disso, pode-se também aplicar o gel mais de uma vez ao dia.

Observa-se resultados visíveis em apenas 15 dias de uso diário do Gelly Lunarys. Porém, para estimular o uso constante, recomenda-se medir local da aplicação com uma trena antes do início do tratamento e repeti-la a cada 10 dias para acompanhar o resultado.

Restrições de uso: Região dos seios, por ser uma glândula hormonal, e durante a gravidez.

 

Sbelt Cream

Creme firmador e drenange à base de cafeína, colágeno, elastina e extratos botânicos. Atua diretamente na ativação da microcirculação, que promove a oxigenação da pele, reduzindo a celulite, a gordura localizada, devolvendo firmeza, elasticidade e maciez a pele.

MODO DE USAR:

Deve ser aplicado diariamente à noite, após a retirada do Gelly, nas regiões do corpo que se pretende firmar, reduzir medidas, eliminar gorduras e celulite. Aplicar com movimentos circulares até total absorção.

Para potencializar os resultados, aplicar fazendo uma automassagem e drenagem manual de líquidos retidos. Pode ser usado inclusive na região dos seios para dar firmeza.

Compartilhe nas redes sociais

Comentários (303)

Deixe um comentário